Notícias

Autor: Ascom Adufg-Sindicato

Publicado em 17/03/2020 - Notícias

Prevenção ao coronavírus: Adufg-Sindicato suspende atendimento presencial em Goiânia, Catalão e Jataí

Professores filiados receberão atendimento por telefone. “Prevenir é sempre o melhor caminho”, afirma presidente Flávio Alves da Silva

Prevenção ao coronavírus: Adufg-Sindicato suspende atendimento presencial em Goiânia, Catalão e Jataí

O Sindicato dos Docentes das Universidades Federais de Goiás (Adufg-Sindicato), em atenção às medidas de enfrentamento à pandemia de coronavírus (Covid-19) determinadas pelo Decreto de Emergência em Saúde Pública do Governo de Goiás, inicia a partir desta quarta-fiera (18/03), a implantação de mudanças no atendimento aos professores filiados e em sua rotina administrativa. O atendimento presencial ficará suspenso, tendo como exceções apenas os casos que envolvam questões de saúde dos docentes.

Todos os demais atendimentos ao público serão feitos pelo telefone (62) 3202-1280, em Goiânia, (64) 3411-4217, em Catalão, e (64) 3631-8363, em Jataí. O Espaço Saúde, onde são realizadas atividades voltadas à saúde física e mental dos docentes, ficará fechado. As medidas são válidas até 31 de março.

Na segunda-feira (16), o Adufg-Sindicato já havia suspendido todas as atividades coletivas, como o Coral Vozes Adufg, o grupo de bordado, o grupo de pintura, o Tai Chi Chuan, reuniões do Grupo Travessia. Para evitar aglomerações, o acesso à Sede Campestre e a edição de março do Quintart também estão suspensos.

Exames
O plano de saúde contratado pelo Adufg realizará testes do novo coronavírus, conforme alguns critérios. Serão feitos exames mediante solicitação médica para pacientes que apresentem sintomas como febre e mais um sintoma respiratório. Os beneficiários que possuem a solicitação médica devem ligar no telefone (62) 3216-9734 para o agendamento da coleta no hospital (em caso de internação) ou em casa (nos casos de isolamento).

Pacientes que passaram por consulta e que estejam isolados no serviço de atendimento, no centro clínico e na pediatria não precisarão agendar a coleta. O procedimento será realizado nessas próprias unidades.

Momento exige cuidados
Segundo o presidente do Adufg-Sindicado, professor Flávio Alves da Silva, a ampliação de medidas preventivas se mostrou necessárias nas últimas horas com a confirmação de novos casos do cornavírus em Goiás. “Prevenção é sempre o melhor caminho. Temos consciência de que é preciso evitar exposição à doença e estamos tomando todas as medidas necessárias para isso”, explica.